Oeiras promove campanha Janeiro Branco e Roxo e reforça cuidados com a Saúde Mental e Hanseníase

A Prefeitura de Oeiras, através da Secretaria Municipal da Saúde, promove de maneira integrada, ao longo deste mês, a Campanha Janeiro Branco e Roxo: quebrando estigmas e discriminação em Saúde Mental e Hanseníase. 

O objetivo é mostrar a importância do diálogo, da conscientização e do acolhimento das pessoas diagnosticadas com hanseníase e para o cuidado com a saúde mental. Assim, a campanha é essencial para derrubar as barreiras do preconceito, levando conhecimento à toda a sociedade. 

A iniciativa da Semusa envolve profissionais do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS I, Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas– CAPS AD, Núcleo de Apoio ao Diagnóstico e Tratamento das Doenças Endêmicas (Setor de Hanseníase e Tuberculose) e do Núcleo de Apoio à Saúde da Família – NASF.

“A união entre as campanhas é primordial, pois precisamos quebrar o preconceito que gira em torno da saúde mental e das pessoas diagnosticadas com hanseníase. Dessa forma, assim como cuidamos da nossa saúde física, também é importante cuidar da saúde mental. Juntas, as campanhas quebram estigmas e mostram que a informação é sempre o melhor caminho”, destaca Paula Veras, coordenadora do CAPS AD.

CRONOGRAMA DE AÇÕES DA CAMPANHA JANEIRO BRANCO E ROXO

TEMA: Quebrando Estigmas e Discriminação em Saúde Mental e Hanseníase.

Data: 13/01/2021 e 29/01/2021

– Roda de Conversa e distribuição de folders nas Salas de Espera do CAPS I e CAPS AD

– Roda de Conversa e distribuição de folders nas Salas de Espera das Unidades Básicas de Saúde da Zona Urbana e Rural.

Data: 18/01/2021 às 9:00h

– Entrevista na Rádio FM Educativa Cristo Rei

Tema: Apresentação/Divulgação da Campanha Janeiro Branco e Roxo: Quebrando Estigmas e Discriminação em Saúde Mental e Hanseníase.

Data: 25/01/2021 às 12:00h

– Entrevista na Rádio Vale do Canindé

Tema: Apresentação/Divulgação da Campanha Janeiro Branco e Roxo: Quebrando Estigmas e Discriminação em Saúde Mental e Hanseníase.

Share via

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *