O potencial e o futuro do Vale do Canindé

Por: Sem. Lael Rubem

Dentre as regiões do Brasil, o Piauí se destaca pelo os contrates de disponibilidade de recursos naturais e administração de tais. Isso quer dizer, que diante de um período de estiagem prolongando, e a forte incidência do sol sobre o território do estado – que caracteriza o semiárido – existe um potencial incutido nesse complexo, a existência de água subterrânea e determinadas criações de plantas e animais, que se desenvolve bem em situações climáticas.

O Povo piauiense ao longo da história desenvolveu técnicas e habilidades de convivência com essa realidade, selecionou os tipos de criação que produzem melhor, os animais que convivem melhor, e um aproveitamento de recursos, contudo, a dimensão administrativa e sobretudo política foi um dificultador para que o sertanejo piauiense obtivessem dignidade e condições de vida.

O padre João de Deus, presente nesse campo de atuação junto ao sertanejo, ao  lavrador e as pessoas que estão mais próximas da realidade do campo, e sofrem as consequências das mudanças climáticas aponta que o potencial da região está sobretudo em dois fatores o sol e a água, ele frisa que diante dos 08 estados que compõe o nordeste brasileiro excluindo o Maranhão, o Piauí, e especificamente o sul do Piauí, contém cerca de 50% da água subterrânea. De modo que o padre ao longo de sua missão nessa região tem gastado sua vida em prol dessas pessoas e do aproveitamento dessa água na construção de poços e barraginhas. Ultimamente, integrando aos poços o aproveitamento do recuso do sol com instalação de placas solares para alimentação das bombas dos poços. Iniciativa essa por meio da Fundação Dom Edilberto Dinkelborg-FUNDED.

Diante de tal contexto foi idealizado como marca do inicio do festejo da Paróquia da sagrada Família um seminário que discutirá tais temas e o futuro da região enquanto aproveitamento do seu potencial e gestão dos bens naturais.

O evento deverá contar com a presença de diversas entidades públicas e privadas presentes no estado do Piauí, assim como lideranças das comunidades rurais, e lideranças políticas. Com o intuito principal de buscar medidas e alternativas de aproveitamento do potencial já existente, e de como utiliza-lo, fazendo com quer as pessoas das comunidades tenham acesso a tecnologias e material para tanto.

Assim este seminário dá esperanças a região do vale do Canindé, pois os recursos estão ai mas, por vezes, falta incentivo político e admisntrativo para quer essa riqueza seja explorada.

O seminário será aberto a qualquer pessoa que se interesse pela causa, que acontecerá dia 29 de agosto no centro de formação – ECC, a partir das 08 da manhã.

 

Fonte: CristoRei FM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *